PUBLICIDADE

Fungo resistente a medicamentos se espalha pelo mundo

Não há registro no Brasil, mas o país não tem sistema de vigilância para fungos

O Centro de Controle de Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos incluiu o Candida auris - fungo descoberto recentemente -, na lista de "ameaças urgentes". O germe atingiu a Venezuela, um hospital na Espanha e a índia, nos últimos cinco anos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

No ano passado, foram registrados casos em Nova York, Nova Jersey e Illinois. Um idoso precisou fazer uma cirurgia abdominal em março de 2018 no Hospital Mount Sinai no Brooklyn. Após realizar um exame de sangue, foi descoberto que o homem estava infectado pelo germe.

Ele precisou ser isolado na unidade de tratamento intensivo. No entanto, 90 dias depois, o paciente morreu e o germe não foi contido. Os exames mostraram que o Candida auris se espalhou pelo quarto, precisando de limpeza especial do ambiente.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Ainda não há registros no Brasil, mas vale lembrar que o país não tem sistema de vigilância para fungos.

O Candida auris é capaz de resistir aos principais medicamentos antifúngicos. Isso faz com que os fungos criem defesas para sobreviver aos remédios atuais. Pessoas com o sistema imunológico baixo são o principal alvo para o germe se espalhar de forma silenciosa, como vem fazendo pelo mundo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Saiba mais: Veja tudo sobre a candidíase

*As informações são da Folha de S.Paulo, via New York Times