PUBLICIDADE

Burnout pode engordar, diz estudo; veja como identificar

Síndrome do Burnout pode levar ao ganho de peso; veja quais são os sintomas e como evitar o Burnout

Estudos recentes divulgados pelo National Center for Biotechnology Information (NCBI) e pelo Journal of Health Psychology (JHP) conectam a Síndrome de Burnout com a ganho de peso. Ou seja, quem sofre de esgotamento profissional pelo excesso da carga de trabalho tem mais chances de engordar.

Isso porque quem tem essa condição está mais propenso a desenvolver uma compulsão alimentar e ser menos ativo fisicamente do que as demais pessoas. Mas como saber se esse é o seu caso?

Como identificar a Síndrome de Burnout

A síndrome de Burnout geralmente é causada por um excesso de trabalho, que é caracterizado não só pelo volume de trabalho, mas por uma quantidade trabalha massante e sem pausas.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Essas condições levam ao desgaste psicológico, físico e mental, e tem impacto na nossa disposição e energia na hora de realizar uma tarefa. O Burnout surge em pessoas que sofrem:

A partir daí, o indivíduo passa a perder o interesse em atividades para o bem-estar, se torna mais apático e irritado.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Outro problema causado pela síndrome são os efeitos mais diretamente físicos: enxaqueca, exaustão e somatização são alguns deles.

Sintomas de Burnout

Existem alguns sinais de que você possa estar sofrendo de Burnout. Geralmente, é um acúmulo de vários sintomas emocionais e físicos.

Sintomas emocionais

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Sintomas físicos

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Burnout e a performance física

O primeiro estudo, do NCBI, foi uma revisão de outras 11 pesquisas e concluiu que a maior relação entre o Burnout e o desempenho físico é a nossa percepção subjetiva de esforço.

Isso significa que uma mesma rotina de exercícios parece muito mais complicada quando feita sob condições de sobrecarga no trabalho.

Assim, o estudo comprova que a duração e a intensidade na performance física e nos exercícios foi diminuída por essa condição de fadiga mental.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Cansaço mental e alimentação

Já o segundo estudo, do JHP, foi importante porque considerou que o tempo trabalhado não necessariamente é a mesma coisa que trabalho pesado.

Ele também demonstra que pessoas que sofrem de Burnout têm uma tendência a sofrer de alimentação emocional, que ocorre quando se come por impulso de emoções.

Os participantes da pesquisa também foram questionados a respeito da frequência com que consumiam alimentos como queijo, maionese, bacon.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Com as respostas, eles descobriram que pessoas muito desgastadas pelo ambiente profissional consomem uma quantidade muito maior de gordura.

Por isso, a conclusão final do estudo foi de que o esgotamento profissional provoca um padrão de nutrição e comportamento favoráveis ao ganho de peso.

Como evitar o Burnout

Os especialistas Luis Guilherme Labinas e Adriana Araújo recordam algumas práticas que podem te ajudar a evitar o esgotamento, veja:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Dietas para emagrecer

Dieta para emagrecer com saúde: veja o cardápio

Dieta Low Carb: como fazer, receitas, antes e depois

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Dieta anti-inflamatória combate doenças e melhora a imunidade: como fazer